U R G E N T E 

Após detida análise do ACÓRDÃO da ação da paridade e integralidade, por tratar-se de ação meramente DECLARATÓRIA, o SIPOL não fará os apostilamentos por enquanto. Não havendo necessidade de termo de renúncia. Está sendo estudada a necessidade de Mandado de Segurança Coletivo para garantir a integralidade como sendo o último vencimento e não a média estabelecida pela instrução conjunta SPPREV/UCRH 3/2014.